Clique ao lado para visualizar o sumário da nova CONTINENTE.

Edição #240

Dezembro 20

Nesta edição

Vinte anos e a pandemia

Sabe aquele aniversário que a gente comemora a distância, por videoconferências e recadinhos virtuais? Muitas e muitos de nós vivemos isso neste 2020, seguindo as orientações sanitárias de distanciamento social, mesmo querendo muito abraçar e beijar as pessoas. E, assim, celebramos a vida, buscando essa alegria, num ano marcado por tantas perdas e mortes.

Nesta edição, a Continente faz aniversário e celebra com vocês, querides leitores, suas duas décadas. E, sem pieguices, se chegamos aqui é porque estamos juntos, porque estabelecemos uma conexão. A isso, saudamos e agradecemos. Pois tantas publicações deixaram de existir nestes 20 anos neste país, em que a classe artística e a produção cultural vivem o paradoxo de nos instruir, nos engrandecer, nos alegrar, nos emocionar, nos transformar com suas criações e, em contrapartida, sofrem o preconceito e o desprestígio por parte do atual governo federal, que destrói estrategicamente as políticas culturais construídas ao longo destes anos e que vinham fortalecendo os fazedores de cultura.

Por conta dessa realidade paradoxal, somada à pandemia, que piorou bastante o cenário, trouxemos para esta “festa” de 20 anos um tema que perpassa vários dos conteúdos desta edição: a necessidade da arte em tempos pandêmicos. Sob esse tema, entrevistamos o pensador argentino Jorge Dubatti, realizamos uma reportagem sobre o presente e o futuro dos museus, articulamos ideias em torno das políticas culturais e a sobrevivência dos artistas. Também, trouxemos um perfil da Rainha das Lives, a sambista carioca Teresa Cristina, que encheu de graça o espaço das redes, e o depoimento de artistas que driblam as dificuldades criando um cineteatro num imóvel de família.

E, para celebrar a revista, que busca cumprir o papel de mediadora social a partir do jornalismo cultural crítico, com o apoio institucional da Cepe Editora, trazemos neste número um caderno especial. Nele, traçamos uma linha do tempo que cruza acontecimentos históricos importantes para a cultura nestas duas décadas e coberturas realizadas pela revista Continente, em suas edições mensais. O mundo passou por mudanças e nossa publicação também, aprendemos com todas. Continuemos de mãos dadas, com coragem e afeto.

Ilustração de capa: Guilherme Luigi

Leia

Publicidade

Destaques

Sumário